Lembranças de minha infância e juventude





O caso dos grilos me fez lembrar da minha infância. Quando era criança costumava caçar cigarras com meu irmão mais velho. Na verdade, ele fazia todo o serviço e eu ficava por perto só olhando. Morávamos numa casa enorme, ainda em construção, e na rua havia uma árvore que na época certa (de Setembro a Novembro) ficava repleta de flores amarelas e de cigarras.

O barulho era enorme, pois várias cigarras emergem do solo ao mesmo tempo. Adorava ouvir a cigarra que ficava presa numa caixinha cantando. Pobre cigarra!

Na época da faculdade, o Campus da USP-RP ficava infestado de cigarras na primavera, e então eu colecionava as suas "cascas" vazias e as usava como broche, só para atormentar meus amigos e amigas não biólogos.


0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...