Parasitismo

Nesta relação desarmônica, os organismos se instalam no corpo de outros seres para extrair alimentos. Esses organismos são chamados de parasitas, os seres que lhes servem de moradia, e dos quais extraem o alimento, são conhecidos como hospedeiros.

Quando o parasita vive na superfície do corpo do hospedeiro é chamado de ectoparasita; quando vive no interior do corpo é chamado de endoparasita.



No reino vegetal ocorrem casos de hemiparasitas, onde a planta retira do hospedeiro apenas parte das substâncias necessárias para realizar a sua fotossíntese (ex: erva-de-passarinho). Sendo chamadas de holoparasitas, aquelas plantas que retiram todas as substâncias orgânicas do hospedeiro (ex: cipó-chumbo), pois não realizam fotossíntese.



Esclavagismo ou Sinfilia,  pode ser considerado uma forma de parasitismo, que ocorre entre indivíduos de  espécies diferentes (ou da mesma espécie), que se beneficiam explorando as atividades, o trabalho ou os produtos produzidos por outros indivíduos.

Esclavagismo interespecífico: quando esse tipo de relação ocorre entre indivíduos de diferentes espécies de seres vivos. Exemplo: As formigas cuidam e protegem os pulgões para obter o açúcar deles; várias atividades de agropecuária praticadas pelo ser humano.

Esclavagismo intra-específico: quando esse tipo de relação se desenvolve entre indivíduos da mesma espécie, exemplos: O leão "macho alfa" do bando é um esclavagista, porque se aproveita do trabalho das leoas. A hiena "matriarca" do bando é uma esclavagista, porque se aproveita do trabalho do bando.




0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...