Entendendo heredogramas



Os heredogramas são esquemas gráficos que representam famílias ou árvores genealógicas. Cada símbolo ou ítem gráfico, tem um significado importante.
Nos heredogramas, indivíduos de sexo masculino são representados por um quadrado, e os de sexo feminino são representados por um círculo. Um traço simples, unindo um quadrado e um círculo quer dizer que este casal forma um par, casamento para humanos, cruzamento para os outros seres. Quando há dois traços unindo o casal, significa consanguinidade, ou seja os indivíduos deste par são parentes próximos.
Da união de um casal, podem nascer descendentes, e isto está representado no heredograma, quando do traço que une o casal sai outro traço com círculos e quadrados ligados a ele.

Elementos de um heredograma

Cada geração fica em um nível, ou linha, e pode muitas vezes ser nomeada com números ou letras. E cada indivíduo do heredograma também é identificado por um número. Esta numeração pode ser sequencial, do primeiro até o último indivíduo, ou reiniciar a cada geração.

Heredograma com numeração por gerações.

Os heredogramas, são usados para se analisar a ocorrência de alguma característica genética, em uma família, então os indivíduos que apresentam esta característica estão sempre destacados, geralmente estão pintados.

Heredograma com numeração sequencial

Saber ler e entender um heredograma, saber montar um heredograma, saber analisar um heredograma é muito importante para o estudo da genética.
Um exemplo de análise: nos dois heredogramas mostrados, as característica são autossômicas, ou seja, não estão nos cromossomos sexuais, pois as características aparecem em machos e fêmeas.
Bem diferente do próximo heredograma, onde de cara, podemos ver que a característica é restrita ao sexo masculino:

Neste heredograma, só machos são afetados.

Outra coisa, muitas vezes analisando os heredogramas descobrimos se a característica estudada é recessiva ou dominante. Olhem só:

As meninas IV2 e IV3 são gêmeas fraternas.

E aí, descobriram? A característica é recessiva ou dominante? Como descobrimos isto? Fácil...., na geração I e III temos casais que, apesar de não manifestarem a característica, tiveram filhos com a característica, então ambos devem ter o gene "escondido" neles, então a característica é condicionada por um gene recessivo!

Bem, espero ter sido clara, e que este post ajude alguém. Fui!


14 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...