Biótopo



Em Ecologia, um biótopo ou ecótopo (do grego βιος - bios = vida + τόπoς = lugar, ou seja, lugar onde se encontra vida) é uma região que apresenta regularidade nas condições ambientais e nas populações animais e vegetais. Corresponde à menor parcela de um habitat que é possível discernir geograficamente.

Para viver, a biocenose depende de fatores físicos e químicos do meio ambiente. No exemplo duma floresta, o biótopo é a área que contém um tipo de solo (com quantidades típicas de minerais e água) e é afetada por um determinado clima (umidade, temperatura, grau de luminosidade e outros fatores). Os fatores abióticos dum biótopo afetam diretamente a biocenose, e também são por ela influenciados. O desenvolvimento de uma floresta, por exemplo, modifica a umidade do ar e a temperatura de uma região.

Abaixo duas tabelas que exemplificam como alguns dos principais fatores abióticos variam em cada um dos biótopos e clatomas mais comuns. 
 
Ambientes terrestres
Clique para ampliar.

 
 
¹ As zonas urbanas, tal como os campos cultivados, podem ser considerados biomas artificiais. 
 
Ambientes aquáticos

 
Clique para ampliar.
 
 
Por outro lado, cada biótopo determina as comunidades de seres vivos que ali podem prosperar. Por exemplo, o rio Amazonas é constituído por diferentes biótopos, cada um com o seu conjunto de espécies de peixes.
 
Hierarquia das unidades ecológicas

O conjunto dos ecossistemas da Terra forma a biosfera, que se subivide da seguinte forma:  
 
Biorregião
Bioma
Ecossistema, que está associado a um biótopo
 
Exemplo
 
Zona Ecológica: Região paleártica
Bioma terrestre: Floresta mediterrânea de bosques e arbustos
Sub-bioma: (WWF): Floresta decídua ilírica (PA1210)
Ecossistema: Monte Orjen, Baía de Kotor, faixa de vegetação entre 1100-1450 m de altitude, Zona oromediterrânea
Biótopo: Oreoherzogio-Abietetum illyricae Fuk.
Planta: Abeto-prateado ou abeto-branco (Abies alba
 
 
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Bi%C3%B3topo

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...