Série Dentição 7: Mamíferos

Um "gatinho" e seus belos dentes...
Os dentes de mamíferos são constituídos de esmalte e dentina e, exceto em cetáceos, há heterodontia (dentes são diferentes entre si). 

Assim, eles podem ser incisivos, caninos, pré-molares e molares, sendo que nem todos os mamíferos possuem todos esses dentes. 

Além disso, de acordo com a morfologia das cúspides, o dente pode ser braquidonte, bunodonte, lofodonte, selenodonte, hipsodonte e secodonte, que possui cúspide pontiaguda.

Ainda sobre dentes de mamíferos:
  • Os dentes do bicho-preguiça, do tatu e do porco-da-terra, ou aardvark (Orycteropus afer), não possuem esmalte, somente dentina com cavidade pulpar em seu interior;
  • Tamanduás e o pangolim, tanto filhotes quanto adultos, não possuem dentes. No entanto, dentes vestigiais estão presentes nos embriões, mas desaparecem antes do nascimento;
  • Filhotes de ornitorrinco possuem um “dente de ovo”, constituído de esmalte e dentina, que permite que o animal quebre a casca do ovo ao nascer. Esta estrutura é perdida após dois dias da eclosão. Além disso, os filhotes possuem dentes verdadeiros e heterodontes, que desaparecem antes dos ornitorrincos deixarem o ninho.

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...